Expedição Puna Argentina 2018 - Dia 06 - Abra del Acay

Nasce um belo dia de céu azul, como é de se esperar aqui em San Antonio de los Cobres. Hoje vamos pela Ruta 40 passar na Abra del Acay e descer no interior do charmoso Valle Calchaqui. É uma encosta da cordilheira a leste, que separa o clima do altiplano com o clima continental, e ainda os ventos que vem do interior do vale. No verão o tempo fica instável. No dia anterior avistamos nuvens negras nessa área, criando um clima ameaçador. As condições do tempo tendem a ser boas de manhã e se deteriorar durante o dia. Antes de encarar o caminho fomos ao quartel da Gendarmeria Nacional nos informar sobre as condições da estrada. Olharam para nossos Jimny e disseram. "Pueden ir, pero con mucha precaucion."

Compramos mais água, tanque cheio e simbora! Um pedacinho de asfalto e logo estrada de chão que começa subindo. Mesmo andando devagar rapidinho estávamos a 4.000 metros, 4.500 metros e chegamos a 4.900 metros! A Abra del Acay é uma passagem bem curta, que me lembrou o Paso de Água Negra (ligação entre Argentina e Chile por estrada de chão), pois ao terminar a subida já se inicia a descida vale adentro. Essa passagem forma uma crista, com vista panorâmica para ambos os lados. Diferente do que imaginava ao ver fotos na internet. Fomos recebidos por um zorro nervoso (raposa andina) que meteu os dentes na mão do Auri ao mostrar bolachas. Tirou a mão de reflexo e por sorte não machucou muito. Nesse ponto já tinha me acostumado com a altitude, pois tava igual guri novo subindo ladeiras pra passar dos 5 mil metros. Porém teria que caminhar longe...

A estrada então de bonita e maluca passou para fantástica e inesquecível! Uma das estradas mais loucas que passei na vida. Cenário maravilhoso de montanhas coloridas que se estendem desfiladeiro abaixo. Esse trecho da Ruta 40 é perigoso pois tem curvas fechadas e caminho estreito entre o barranco e o penhasco. O caminho inicial foi de puro êxtase e sozinho fez valer toda a viagem. Mas logo escureceu e começou a trovejar. Passamos por dentro de córregos que vinham das montanhas e sinais de fortes enxurradas nos arredores. Me sentia no paraíso, avançando lentamente, mas a consciência dizia: "Acelera aí e vamos embora!" Começou a chover forte no alto dos paredões. Trovoadas, raios e granizo. Fomos avançando e o vale ficando mais amplo, deixando a parte critica para trás. Chegamos cedo em Cachi, com sol de lascar e calor. Na volta nuvens negras nas encostas. O clima aqui é maluco!

Cachi é uma cidadezinha muito legal e antiga, a 2.350 metros de altitude. Excelente para apreciar os vinhos Torrontés ou Malbec de Altura enquanto curte a culinária com ingredientes locais.

Continua...

(Clique nas fotos para ampliar.)

San Antonio de los Cobres

Ruta 40

Estrada que subimos.

El Zorro!

Mora a 5.000 metros, tem muita fome e poucos amigos.

Cenourinha mirando o Salar Salinas Grandes no horizonte.

Abra del Acay

Sobe muito e desce mais ainda.

Depois de subir mais um pouquinho caminhando.

Ponto culminante da Ruta 40 que tem 5.224km de norte a sul da Argentina.

As nuvens começando a se formar.

Irmãos Ebone

Descida ao Vale Calchaqui.

Caminho em frente fica ainda mais estreito e o penhasco ainda mais profundo.

Lhamas por tudo quanto é lado.

Quinoa y Queso de Cabra

Viaturas na frente do charmosa Hosteria Villa Cardon 

Cabrita!

Vino de la zona. Na verdade é de Molinos, 50km ao sul de Cachi.


Comentários

Mais lidas

Expedição Puna Argentina 2018 - Dia 03 - Campos de Piedra Pomez

Expedição Puna Argentina 2018 - Dia 05 - Montanhas e Salares

Contrafortes dos Andes 1º e 2º Dia

Expedição Puna Argentina 2018 - Dia 07 - Valles Calchaquies

Expedição Puna Argentina 2018 - Dias 08, 09 e Roteiro

TransAndes - 1º Dia